2 Doenças transmitidas por alimentos - DTA

Publicado por:  Aline O. de Almeida

Doenças transmitidas por alimentos são pouco conhecidas, pois normalmente a alimentação está associada a benefícios ou quando se fala em doenças, pensa-se em uma má alimentação.

Mas o tratamento inadequado dos alimentos também pode gerar males causados na ingestão da comida, existem cerca de 250 tipos de DTA (Doenças Transmitidas por Alimentos), segundo o Ministério da Saúde.

Por isso, o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária é importante para que os estabelecimentos, que comercializam alimentos, sejam fiscalizados e sigam a legislação, evitando doenças.

Então, se você quer saber um pouco mais sobre como evitar essas doenças leia este artigo até o fim e saiba:

  • O que são doenças transmitidas por alimentos?
  • Sintomas das DTA
  • 2 doenças graves transmitidas por alimentos
  • Prevenção

O que são doenças transmitidas por alimentos?

Doenças transmitidas por alimentos são causadas por bactérias, toxinas, vírus, parasitas, agrotóxicos e outros produtos químicos ao se consumir alimentos ou água contaminados.

Você já passou mal ao comer algo na rua? Geralmente, as pessoas não se preocupam em saber como os estabelecimentos de rua preparam as refeições. Assim, acabam passando por enjoos ou em casos mais graves pegando doenças transmitidas por alimentos.

E alguns casos podem ser bem graves como Botulismo e Cólera, falaremos sobre elas mais abaixo. Por isso, é importante estar atento aos sintomas que uma contaminação alimentar manifesta.

Sintomas das DTA

Os sintomas das doenças transmitidas por alimentos são bem variados, já que as causas também são, cada tipo de infecção pode apresentar os mesmos sintomas, mas é possível se atentar a alguns sinais como:

  • diarreia
  • vômito
  • náusea
  • dores no abdômen
  • febre
  • falta de apetite.

O tempo para que os sintomas das doenças transmitidas por alimentos demoram para se manifestar costuma ser entre 1 e 2 dias, mas alguns casos podem demorar um pouco mais, cerca de uma semana.

No Brasil, são notificados por ano, mais ou menos, 700 surtos de DTA por ano, segundo o VE-DTA (Vigilância Epidemiológica das Doenças Transmitidas por Alimentos).

Os surtos ocorrem, porque geralmente a comida contaminada é consumida por muitas pessoas de uma mesma região.

Esses surtos, além de deixar muitas pessoas doentes, também podem causar algumas mortes, principalmente em crianças que possuem o sistema imunológico mais frágil.

Veremos abaixo as doenças mais comuns em surtos de DTA, confira:

2 doenças graves transmitidas por alimentos

No Brasil, a maioria das doenças transmitidas por alimentos são causadas por bactérias, mas os surtos por vírus também ocorrem e pouquíssimos casos por substâncias químicas.

Estes são os principais causadores das doenças:

  • Rotavírus: normalmente, o rotavírus se manifesta em crianças. Os sintomas de quem pega o rotavírus são diarreia e febre, se o caso ficar muito grave pode causar desidratação e até a morte.
  • Coliformes: os coliformes são encontrados nas águas e o acúmulo grande delas é que causam a contaminação e infecções urinária, pneumonia,
  • Salmonella: é encontrada em fezes de animais (galinha, porco, répteis, vacas e até animais domésticos), seus sintomas são calafrios, vômitos, diarreia, febre, cansaço e dor abdominal.

Esses causadores fragilizam e afetam o sistema imunológico da pessoa, podendo causas às duas doenças transmitidas por alimentos, de maior gravidade, veja:

Botulismo

Botulismo é uma doença transmitida por alimentos grave que pode levar a morte, ela causa a paralisia da musculatura respiratória. Estes são os alimentos produzidos ou conservados de maneira inadequada causam a doença:

  • pequi
  • picles
  • palmito
  • presunto
  • salsichas
  • enlatados
  • carne frita conservada em gordura.

Os sintomas dessa doença transmitida por alimentos, além dos já citados acima, são:

  • visão turva
  • visão dupla
  • boca seca
  • dificuldade de engolir.

A doença é tão grave que pode causar algumas complicações como dificuldade para falar e problemas no sistema nervoso em geral. Por isso, seu tratamento deve ser imediato para eliminação das toxinas do corpo.

Cólera

A cólera é uma doença transmitidas por alimentos contaminados por fezes e pelo consumo de água não tratada e há casos de transmissão pelos seguintes alimentos:

  • peixes
  • frutos do mar (malcozidos)
  • gelo feito com água não tratada.

Seu principal sintoma é a diarreia que se dá com fezes acinzentadas, sem odor e sem sangue ou pus. Ela pode causar desidratação grave, queda da pressão arterial, insuficiência renal, coma e morte.

Por isso, o tratamento é focado na reidratação do paciente com soro e remédios para controle da diarreia.

Prevenção

Segundo as Nações Unidas (ONU) no continente americano, cerca de 77 milhões de pessoas são atingidas por doenças transmitidas por alimentos.

Por isso, é muito importante algumas medidas, até simples, para prevenção, veja:

  • evitar o contato em alimentos crus
  • beber água apenas de procedência conhecida
  • lavar os ovos com água potável antes do consumo
  • lavar as mãos antes e após a preparação e o consumo de alimentos
  • selecionar alimentos frescos com boa aparência e antes do consumo lavá-los bem.

Esses foram algumas das ações que devem tomar, mas para orientações mais detalhadas marque uma consulta com a nutricionista, ela dará orientações para preparo e armazenamento adequado de cada alimento, como pescados e mariscos.


Comentarios


Nos envie uma mensagem